Notícias

Produtores da ‘Estrada do Arroz’ em Imperatriz, criam Associação com apoio do Senar

Por: SENAR MA

Conhecida como uma das regiões de maior bacia leiteira de Imperatriz, a ‘Estrada do Arroz’, tem se destacado pelo aumento da produção depois da atuação direta do Senar nas 43 propriedades rurais.

Os produtores de leite recebem assistência técnica e gerencial (ATeG), há três anos, com o desenvolvimento do programa ‘Mais produção’, feito em parceria entre o Senar e o  Governo do Estado. Nessa terceira etapa de ATeG, os produtores passaram a  ser atendidos pelos programas Retorno Certo e agora,  Agronordeste.

A atuação do Senar na região, possibilitou o avanço e o fortalecimento da produção de leite, que resultou na consequente criação da Associação dos Produtores de Leite da Estrada do Arroz, (APLEA), com o apoio da equipe técnica do Senar que atua na região. A organização  encontra-se devidamente registrada e  há dois anos vem atuando dentro das fazendas dos 24 associados.

A junção dos produtores como sociedade civil, proporcionou alguns avanços significativos, como por exemplo: a compra coletiva do leite que chegou no último semestre a 158 litros  comercializados, valorização do produto em 30%  a mais de receita para as propriedades.

Incentivada pelo Senar, a APLEA possibilitou ainda, a compra de insumos, de implementos agrícolas e a venda conjunta para os laticínios aumentando diretamente a renda de todos os participantes.

Sociedade

Além da redução do custo de produção para as compras  em grupo, de farelo de soja, milho, sal mineral e calcário para readequar  o solo das propriedades e assim,  aumentar a produtividade em pastagens  volumoso, com vistas a impulsionar a sociedade.

De acordo com o supervisor de campo do Senar, Michael Douglas, os  programas desenvolvidos,  têm impulsionado o produtor rural ao desenvolvimento, levando  tecnologia, gestão empresarial para os negócios e impulsionando a produtividade das propriedades.

“A APLEA tem o objetivo de aumentar a produtividade de leite da região  e melhorar o mercado.  Hoje eles são organizados como sociedade civil e isso é o diferencial, tanto na valorização das  compras coletivas, quanto na redução do custo  de produção  e ainda, nas tecnologias voltadas aos pequenos e  médios produtores da estrada do arroz”, disse o técnico, ressaltando que “A iniciativa dos produtores, tornou-se uma entidade sólida, tem arrecadação própria e  objetiva o incentivo à produção e venda de leite além do aumento da renda dos participantes”.

O presidente e o vice-presidente da Associação, Titara Rocha, satisfeitos, garantem que só foi possível, graças ao apoio do Senar

“O Michael  trouxe a tecnologia a cada um de nós,  para que a gente aprenda a trabalhar como produtor de leite. Hoje fazemos parte da primeira Associação do Estado do Maranhão registrada como leiteira, e temos muito a agradecer ao Senar”, frisou o presidente da entidade, Titara Rocha, na presença do vice-presidente, Hermes Oliveira.

Fonte: Produtores da ‘Estrada do Arroz’ em Imperatriz, criam Associação com apoio do Senar | Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) (cnabrasil.org.br)

Postagem anterior

Koppert adquire a Geocom e passa a oferecer também serviços aos agricultores brasileiros

Próximo post

Agropecuária cresce 2,4% em 2020

Occasio

Occasio

Sem Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *